Make your own free website on Tripod.com

Amazon Pit Kennel

Visite a página de trabalhos acadêmicos e as fotos dos melhores Pits da Amazônia.

 

 

Acima

 

“PIODERMATITES SUPERFICIAIS”

 

1)      DERMATITE ÚMIDA AGUDA OU DERMATITE PIOTRAUMÁTICA

-         Ocorre em cães.

-         É secundária as irritações locais, que levam ao auto traumatismo, estes apresentaram , dor e prurido

-         Alergias, parasitas, pêlos embaraçados.

-         Modificação do controle de bactérias

-         Substâncias irritantes, otites

·       Pré-disposição: Pêlos longos, subpêlos

                                 Tempo úmido quente

·       Macro: Alopécia, eritema, umidade, exsudação, fluidos, bordas avermelhadas circunscritas.

2) PIODERMITES DAS PREGAS CUTÂNEAS / INTERTIGO

- Irritação, etiologia pela fricção de pele, áreas de maior umidade, como urina, saliva, lágrima, causam invasão bacteriana secundária (IBS).

·       Classificação:

a)      Intertigo Facial

b)      Intertigo labial

c)      Intertigo corporal

d)      Intertigo vulvar (cadelas obesas)

e)      Intertigo caudal

Ex: Cauda em sacarrolha (Boston Terrier)

3) PIODERMATITE PUSTULAR SUPERFICIAL OU IMPETIGO

- Caninos (2 semanas – 1 ano), felinos e leitões.

- No caso de animais de grande porte, encontramos relacionado aos úberes de vacas e cabras em lactação.

- O agente etiológico desse é o staphilococus aureus.

·       Fatores predisponentes:

- Aglomeração de animais (principalmente em pequenos animais).

- Higiene precária das instalações (principalmente em casos de vacas leiteras).

- Desnutrição (há baixa de resistência).

- Doentes debilitantes.

·       Características macroscópicas:

- Máculas ou pápulas, mas geralmente vamos observar as lesões em forma de pústulas, por isso são chamadas de PIODERMATITE. Essas pústulas são bem características, devido a presença de Staphilococus aureus que confere um tipo de pús muito semelhante a cor de mel, ou seja, é um exsudado amarronzado.

- Crostas e erosões amarelo claro.

- As lesões têm uma tendência de se desenvolverem em cima de peles glabras ( áreas desprovidas de pêlo, como axila, virília) e parte ventral do abdômen. No caso de pequenos animais em áreas abdominais. Ex: Um cachorrinho com grande quantidade de verminose, desnutrido, observamos que o abdômen apresenta várias lesões pustulares.

·       Características microscópicas:

- A lesão se manifesta sob a forma de pústulas subcornuais, que ficam embaixo do estrato córneo.

4- DERMATOFILOSE

- Provocada pelo Dermatophilus congolensis.

·       Fatores predisponentes:

- Umidade prolongada (atingindo pele, pêlos, lã).

- Lesão mecânica da pele ( o Dematophilus não entra em pele íntegra, tem que estar traumatizada).

- Alguns artrópodes podem funcionar como vetores, especialmente através de picada de insetos, além disso qualquer artrópode provoca irritação na pele.

- Pode ocorrer em bovinos, eqüinos e ovinos.

- Áreas dorsais, flancos, paredes torácicas, ombros e pescoço ( lesões bastante úmidas).

- Em bovinos a dermatofilose é associadas em animais extremamente parasitados, então geralmente a lesão é associada com infestação do carrapato, que tem como predileção as áreas de axilas e escrotais (mais quentes).

·       Características macroscópicas:

- Crostas marrom acinzentada.

- Lamelas espessas (devido a hiperqueratose).

- O pêlo cai em tufos.

- Superfície úmida com grande quantidade de pús (purulenta).

·       Características microscópicas:

- Hiperqueratose paraqueratótica.

- Acantose

- Edema intracelular

- Abcessos intraepidérmicos

- Dermatite neutrofílica ou linfocitária

5- PIODERMATITES PROFUNDAS

- Piodermatite juvenil (celulite juvenil)

- Piodermatite generalizada.